quinta-feira, 21 de maio de 2015

Resenha: O Presente


Lindezas, tudo bem?

Hoje, a resenha é de um livro lindo de uma das minhas autoras favoritas:  Cecelia Ahern.

Mais um livro cheio de lições de esperanças e com aquela dose de fantasia bem tipica da Ahern.









Sinopse: 

Todos os dias, Lou Suffern luta contra o tempo. Ele tem sempre dois lugares para ir, sempre duas coisas a fazer. Quando dorme, sonha com os planos do dia seguinte e, quando está em casa com a esposa e os filhos, sua cabeça está, invariavelmente, em outro lugar.

Numa manhã de inverno, Lou conhece Gabe, um morador de rua, sentado no chão, sob o frio e a neve, do lado de fora do imenso edifício onde Suffern trabalha.

Os dois começam a conversar, e Lou fica muito intrigado com as informações que recebe de Gabe; informações de alguém que tem observado uniões improváveis entre os colegas de trabalho de Lou, como os encontros da moça que usa Louboutins com o rapaz de sapatos pretos...

Ansioso por saber de tudo e por manter o controle sobre tudo, Lou entende que seria bom ter Gabe por perto — para ajudá-lo a desmascarar associações que se formam fora de suas vistas — e lhe oferece um emprego.

Mas logo o executivo se arrepende de ter ajudado Gabe: sua presença o perturba. O ex-mendigo parece estar em dois lugares ao mesmo tempo, e, além disso, fala umas coisas muito incomuns, como se soubesse do que não deveria saber...

Quando começa a entender quem realmente Gabe é e o que ele faz em sua vida, Lou percebe que passará pela mais dura das provações.

Esta história é sobre uma pessoa que descobre quem é. Sobre uma pessoa cujo interior é revelado a todos que a estimam. E todos são revelados a ele. No momento certo.

Resenha:

 Lou Suffern, é típico homem do século 21. Sempre muito ocupado, atarefado e cheio de compromissos até o pescoço. Obviamente, não tempo para nada, e quase sempre precisa estar em 2 lugares diferente no mesmo instante.É um executivo super importante que dá mais importância ao trabalho e seu crescimento na empresa do que aos filhos e a esposa. Em casa, ele julga não faltar nada, casa linda alias. Carro então, nem se fala, maravilhoso!

Numa manhã fria, ele decide fazer uma boa ação: Oferecer um café a um homem que mendigava em frente do prédio luxuoso onde Lou trabalha.Após esse episódio de amor ao próximo, Lou resolve contatar Gabe, o mendigo.

Na minha opnião, Gabe é bruxo rsrsrs. Se é bruxo vocês vão descobrir, mas misterioso ele é e muito. Ele me lembrou o Cosmo, de "A vez da minha vida"  também da Cecelia.
Que tipo de pessoa está SEMPRE no lugar certo e na hora certa. Mano, muito louco!
Mas apesar de todo esse mistério, ele é boa gente. Com certeza tem mais a oferecer do que Lou pudesse imaginar.

Lou começa a se sentir ameaçado por Gabe. Ameaçado pela eficiência e carisma de Gabe, mas não só por isso.
A presença e a convivência com Gabe o fazem perceber o quanto estava errado em vários aspectos de sua vida. Principalmente, sua vida pessoal

Sou meio suspeita pra falar do livro pois amo a Cecelia a forma como ela introduz a fantasia em seus livros. Na minha opinião, esse elemento faz com que o leitor "viaje" literalmente nas histórias e se desligue do mundo externo, pelo menos no momento da leitura.
Se você não consegue ir na "onda" da fantasia é melhor não ler as obras da Cecelia pois ela usa e abusa desse artificio.

No mais o livro e bom, e muito bonito. Nos mostra que nem sempre, por melhor que sejam nossas intenções, tentar ganhar o mundo é a melhor saída.

Um beijo e até o próximo post!



4 comentários:

  1. Eu já tinha visto esse livro, mas nem imaginava do que se tratava.
    Com sua resenha, morri de vontade de ler. Eu me coloquei no lugar da esposa do Lou, sabe? Tendo um marido ausente, que não tem tempo pra nada?
    E eu acho que o Gabe veio para, de alguma forma, ensinar uma lição pro Lou (seria isso?). Rezo para que um dia alguém também ensine pro meu marido rsrs
    Beijos

    Meu Meio Devaneio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Soraya, eu vejo esse livro como uma grande lição sabe? No mundo que vivemos hoje estamos sempre correndo e com pressa, sem tempo para as pessoas e coisas que realmente importam. Após a leitura, alguma coisa fez um "click" em mim.
      Desacelerar é preciso!

      Um grande beijo, e obrigada pela visita!

      Excluir
  2. Adoro resenhas de livros e você me deixou com vontade de ler esse... Já está na minha lista! Bjks

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza você vai gostar!

      Beijos e obrigada pela visita!

      Excluir

Deixe o seu comentário! Se você tiver um blog, deixe seu endereço aqui também, vou adorar conhecer seu cantinho!

Postagem em destaque

[Post Especial] Para Nós, todo amor do mundo

Sem pretensões você chegou, pegou na minha mão, olhou nos meus olhos e ouviu tudo o que eu falava. E olha que eu falei muito! Aq...